I'm glad that life was never perfect

Sinto tudo de mais e às vezes o que eu vejo, quase ninguém vê. Tem alturas que penso, tem alturas que não. Acho que um dia tudo irá fa...


Sinto tudo de mais e às vezes o que eu vejo, quase ninguém vê. Tem alturas que penso, tem alturas que não.
Acho que um dia tudo irá fazer sentido, hoje não.


Não estou como sou, sou como estou, isso faz sentido? Talvez. Maior parte do tempo perco me sobre aquilo que falo ou tento escrever, mas eu falo, eu escrevo, falo sozinha e escrevo para mim.
Sonho imenso, mas nunca sonhei com o meu presente ou com o futuro presente, tem alturas que prefiro acreditar que é melhor não sonhar com isso, isso do futuro.
Desenho-me imenso, muitas vezes, no papel, no ar... E erro, engano-me, isso faz me sentir humana.
Como me sinto?
...senti vontade de escrever.

You Might Also Like

0 comentários

@vanessapereirinha